8 dicas preciosas de Teamfight Tactics para chegar à vitória!


Raphael Aviz
Raphael Aviz

Teamfight Tactics (TFT), o autobattle de League of Legends, chegou para ficar. O jogo está em constante evolução e atrai novos jogadores todos os dias. Para facilitar sua adaptação a esse novo gênero, juntamos aqui 8 dicas fundamentais de como jogar TFT e conseguir suas primeiras vitórias.

1. Priorize seu ouro mais do que sua vida (HP)

Isso mesmo. Em TFT sua prioridade deve ser manter uma boa quantidade de ouro, mesmo que isso signifique perder HP.

A lógica por trás disso é a seguinte: o jogo envolve muita sorte (para upar seus campeões e para obter sinergias). No entanto, se você tiver muito ouro guardado, você terá a liberdade de usar o “reroll” várias vezes, aumentando assim suas chances de obter o campeão desejado. Dessa forma, o metagame de TFT gira em torno do dinheiro.

Portanto, não se preocupe em perder batalhas e ficar atrás no HP. É muito provável que, enquanto você junta ouro, seus oponentes gastem dinheiro com rerolls e levelups e ficando mais fortes no início e meio da partida. No entanto, os jogadores que fizerem isso poderão estagnar nos estágios finais da partida (late game), seja por não conseguir mais upar seus campeões ou mesmo não conseguir adaptar às estratégias adversárias.

Enquanto isso, o jogador que focar no late game poderá estar atrás no HP, mas terá toda a liberdade de escolha de campeões no momento mais decisivo da partida. Só imagine a situação em que você pode dar inúmeros rerolls até conseguir o campeão certo para fechar a sinergia, ou mesmo conseguir a última unidade necessária para um campeão nível 3. É assim que se ganha em Teamfight Tactics.

Tier List de Teamfight Tactics: conheça os melhores campeões do jogo

2. Entenda as regras relacionadas ao ouro

Gold - Teamfight Tactics

Considerando que o ouro é o recurso mais importante do jogo, você precisa saber exatamente como ele funciona. Confira as regras relacionada ao dinheiro em TFT:

  • Cada round, independente do resultado, garante 5 de ouro.
  • Vitórias garantem 1 de ouro.
  • Sequência de vitórias ou derrotas garantem de 1 à 3 de ouro:
    • 2 Vitórias / 2 Derrotas = +1 de ouro
    • 5 Vitórias / 5 Derrotas = +2 de ouro
    • 8 Vitórias / 8 Derrotas = +3 de ouro
  • A cada 10 de ouro que você tiver na conta no início do round, receberá 1 de juros.

Os juros, sem dúvida, são a fonte de ouro mais importante do jogo. Para cada 10 de ouro que você tiver na conta no início do round, você ganhará 1 de juros, até um máximo de 5. Assim, é muito importante que você se mantenha acima de 50 de ouro (para obter o máximo de 5), mas não tem porquê iniciar o round com mais de 60, uma vez que não há lucro envolvido. Nesses cenários, gaste com rerolls ou XP, mas não deixe seu ouro ficar abaixo de 50.

Como administrar bem seu ouro em TFT

  • Não comprometa sua faixa de juros. Isso significa que, se o seu gasto no round significar receber 1 de juros a menos, só o faça se for realmente importante.
  • Se necessário, venda unidades para garantir uma nova faixa de juros. Por exemplo, se você estiver com 28 de ouro e tiver um Volibear guardado e que não pretende usar, venda-o imediatamente para atingir a faixa de 30 e receber 3 de juros.
  • Só compre XP se isso significar você subir de nível e, consequentemente, colocar uma nova unidade no jogo. Note que todo round concede 2 de XP, independente do resultado, e 4 de ouro compra 4 de XP. Fique atento ao quanto falta para você upar e só gaste com isso se a compra completar a experiência faltante. Evite comprar XP de forma desnecessária.
  • Evite gastar com rerolls até o late game. Só gaste antes se as probabilidades estiverem muito do seu lado.
  • No early game, só gaste comprando campeões. Além disso, sempre que o draft mostrar campeões iguais, tente comprá-los sem pena do seu ouro. Isso aumentará suas chances de obter unidades de nível mais alto no decorrer do jogo, então não perca as oportunidades que aparecem logo no início. Não esqueça que você pode vender as unidades a qualquer momento.

3. Tanks na frente, DPS atrás, mas nem sempre

Formação - TFT

As batalhas em TFT acontecem como em qualquer RPG: tanks na frente, DPS atrás. Dessa forma, seus oponentes precisarão passar por suas unidades mais resistentes enquanto recebem dano das suas unidades mais fortes que estão posicionadas atrás. Isso não quer dizer que quem ficar na frente não possa causar muito dano, mas é preferível que a característica principal da linha de frente seja resistência.

Exceções: quando trocar o posicionamento padrão

O posicionamento dos campeões em TFT é um dos aspectos que podem melhorar ou piorar o seu desempenho nos rounds. Por isso, mesmo a regra mencionada acima não é absoluta. Existem algumas situações em que você precisará mover seus campeões para otimizar sua utilidade. Esses cenários são:

Mover tanks para trás: por vezes você precisará mover unidades resistentes para a linha de trás para proteger alguma unidade de Assassinos inimigos. Para quem não sabe, Assassinos sempre pulam por trás das linhas inimigas para atacar a unidade mais distante. Se as suas estiverem desprotegidas, provavelmente serão eliminadas rapidamente. Nessas situações, um tank posicionado do lado certo da unidade vulnerável pode interceptar o ataque.

Mover DPS frágeis para a linha de frente: alguns campeões possuem ults tão impactantes que é melhor que eles recebam golpes (para encher sua mana) e ultem o mais rápido possivel, mesmo que morram em seguida. "Sacrificar" unidades para que ultem logo é uma estratégia bem comum em TFT.

Mover os tanks para a linha de trás no round 15: o round 15 é um round neutro contra 4 Murk Wolfs e 1 Greater Murk Wolf. Todos eles são Assassinos, ou seja, pulam para trás da linha de defesa para atacar as unidades mais distantes. Lembre-se disso e, em todo round 15, inventa sua formação.

Necessidade de adaptação no late game: nos estágios finais do jogo você precisa prestar bastante atenção às builds oponentes e tentar counterá-las ao máximo. Dessa forma, muitas vezes precisará mover campeões, seja para ultar, counterar campeões específicos, evitar levar dano em área em muitas unidades (nesse caso, deve afastar seus campeões uns dos outros), etc.

Veja as melhores composições de campeões em Teamfight Tactics!

4. Conheça os itens e seus efeitos

Itens - TFT

Teamfight Tactics conta com 8 itens primários que podem ser dropados por minions. Ao combinar 2 itens, você forma um novo mais forte e com novos efeitos. Assim, o jogo conta com uma grande variedade de itens disponíveis para todos os tipos de campeões e builds. Se familiarizar com cada um deles é essencial já que um único item equipado no campeão certo pode virar a partida facilmente.

Apesar de as combinações de itens/campeões serem inúmeras, aqui vai algumas dicas gerais:

  • Para campeões que atacam corpo a corpo, indica-se itens combinados com o Cinto do Gigante (Giant’s Belt), Cota de Malha (Chanmail) e Capa de Negatron (Negatron Cloak);
  • Para campeões de longo alcance, indica-se itens combinados com a Espada G.p.C (B.F Sword);
  • Para campeões que atacam com magia, indica-se itens combinados com o Bastão Desnecessariamente Grande (Needlessly Large Rod).

As dicas acima só apenas sugestões. Confira nosso guia completo de itens de Teamfight Tactics e, e seguida, confira a Tier List de itens de TFT e saiba em quem equipar cada um!

5. Tire o maior proveito do draft carrossel (foque nos itens)

Carrossel - Draft

O draft compartilhado (ou draft carrossel) são aqueles rounds em que jogadores são levados para uma única tela para escolherem seus campeões, em ordem. O primeiro carrossel do jogo acontece no round 0, e todos os jogadores se movem ao mesmo tempo para escolher primeiro a unidade desejada.

Após o round 0, todo round múltiplo de 6 (6, 12, 18, 24, etc) será um round carrossel. No entanto, ao contrário do primeiro, esses rounds darão prioridade para os jogadores que tiverem menos HP. Assim, o primeiro jogador com direito de escolha será o jogador com menor vida, e assim sucessivamente até o último jogador (o que estiver com mais HP na partida) escolher.

Pois bem, agora vem a informação mais importante sobre o carrossel: veja ele como uma oportunidade de obter itens, não campeões. TFT é um jogo extremamente voltado para o uso de itens, então é crucial que você aproveite todas as chances de craftar os equipamentos bons. Lembre-se que você pode obter campeões em TODOS os rounds do jogo (sem contar com a possibilidade de dar reroll). Enquanto isso, itens só são dropados por minions, então há menos oportunidades.

No entanto, dependendo do seu HP, nem sempre você poderá escolher livremente o item desejado. Nesse caso, você deve saber a quais opções recorrer quando não conseguir sua primeira opção. Via de regra, você deve escolher nessa ordem:

  • Primeira opção: Espátula, se você já tiver uma (a combinação de duas Espátulas forma o item Força da Natureza, o melhor do jogo);
  • Segunda opção: itens de segunda categoria (itens já craftados);
  • Terceira opção: itens primários que você já possa usar em combinações;
  • Quarta opção: Espátula;
  • Quinta opção: itens de primeira categoria que sejam úteis no momento, mesmo sem combinações;
  • Sexta opção: campeões prontos para serem upados;
  • Sétima opção: itens primários
  • Oitava opção: campeões de alto custo

Note que nessa hierarquia toda, a escolha de campeões está muito abaixo, ou seja, o carrossel é um momento de conseguir itens! No entanto, lembre-se que nada aqui é absoluto e a melhor escolha sempre depende do momento específico da partida.

6. Use campeões com efeito de crowd control

Ter campeões com efeito de crowd control (CC) no tabuleiro é crucial, independente da build escolhida. Os CC são efeitos que “desativam” oponentes por alguns segundos, impedindo que executem qualquer ação.

Lembre-se que mesmo um campeão nível 1 e sem itens pode dar CC em um campeão nível 3 e equipado, tirando-o de jogada por alguns preciosos segundos. Se ele não conseguir se mover, seus atributos não adiantam de nada. Por isso, inclua alguns campeões com esse efeito e tente posicioná-los de forma que eles encham suas manas em momentos diferentes. Assim como em outros jogos como LoL e Dota, coordenar os CC para manter os oponentes parados pelo maior tempo possível pode virar qualquer partida. Essa coordenação é bem difícil de se obter, mas é possível.

Confira abaixo todos os campeões de TFT que possuem efeito de crowd control:

  • Ashe
  • Blitzcrank
  • Cho’Gath
  • Fiora
  • Gnar
  • Kennen
  • Leona
  • Lissandra
  • Lulu
  • Morgana
  • Poppy
  • Pyke
  • Rek’Sai
  • Sejuani
  • Warwick
  • Yasuo

7. Os efeitos de sinergias (origens e classes) só contam com campeões diferentes

Essa dica é bem simples. Campeões iguais não entram na contagem de sinergias. Assim, os bônus de origens e classes só são ativados quando você tem o número certo de campeões diferentes no tabuleiro.

Essa mecânica abre margem para algumas situações difíceis em que você precisa escolher um campeão mais fraco para colocar em jogo, só para completar uma sinergia. Por exemplo: imagine que você tenha 2 Feiticeiros no tabuleiro, Lulu e Veigar, ambos nível 2. No próximo draft você obtém uma nova Lulu nível 2 e um Kassadin nível 1. Nesse caso, muitas vezes é preferível você inserir o Kassadin nível 1 (bem mais fraco que a Lulu nível 2) para conseguir o bônus da sinergia para todos os outros Feiticeiros, o que acaba sendo mais vantajoso.

Exceções: quando usar heróis repetidos

Se tratando de probabilidade, nunca há regra absoluta. Sempre haverá vezes em que é melhor colocar um campeão repetido de nível 2 ou 3 do que um fraco que complete sinergias. A questão é avaliar se a contribuição individual do campeão é melhor do que o efeito da sinergia. Para isso, analise os seguintes pontos:

Número de campeões beneficiados pela sinergia: obviamente, quanto mais campeões receberem os bônus de sinergia, melhor. Se os beneficiados forem poucos, talvez um campeão forte repetido seja mais efetivo.

O próprio nível da sinergia: sinergias mais fortes (de 4 ou 6 campeões) provavelmente serão mais efetivas do que um campeão repetido. Algumas sinergias mais simples de serem completadas podem causar menos impacto do que um campeão nível 2 ou 3.

A utilidade do campeão: o campeão repetido a build do oponente? Sua skill é útil o suficiente para impactar os rounds? Seus atributos são suficiente para servir de suporte ao seu time?

Necessidade de adaptação: quando você começa a perder rounds mesmo com sinergias prontas, talvez abrir mão delas e inserir campeões repetidos de nível 2 ou 3 seja o ajuste necessário.

Conheça todos os campeões, classes e origens de Teamfight Tactics!

8. O late game é muito mais importante que o early game

Essa última dica é para reforçar o que já foi dito no início do artigo. TFT é tão voltado para os estágios finais da partida (late game), que quase não importa o que acontece nos primeiros rounds (early game).

Pode parecer estranho, mas o que acontece no início da partida basicamente não importa para o final, desde que você tenha ouro no mid e late game. O importante é sempre ter recursos para procurar os campeões desejados e também para se adaptar às builds oponentes.

Um jogador que tenha ficado forte muito rápido, mas que depois não tenha dinheiro para obter as unidades nível 3 ou para counterar builds oponentes, certamente estagnará no fim da partida. Enquanto isso, quem tiver dinheiro poderá fazer os ajustes necessários

Raphael Aviz
Raphael Aviz
Ex-jogador profissional de Counter Strike e Super Smash Bros. Melee, Brawl e 4. No momento aposentado das competições mas FANÁTICO por todos os eSports, sejam de luta, estratégia ou FPS.