Conheça os 8 melhores MMORPG para browsers!


Raphael Aviz
Raphael Aviz

Seja por falta de espaço no PC, internet lenta ou por puro gosto, o cenário de jogos para navegadores continua de pé. Alguns títulos que foram lançados antes mesmo da banda larga conseguiram se manter ativos até hoje mas também há aqueles lançados recentemente.

Para você que é fã de MMORPG, reunimos abaixo uma lista com os melhores jogos do gênero para serem jogados no seu navegador. Confira!

1. Tibia

Tibia

Tibia está entre os MMORPG mais famosos do mundo. O jogo foi criado na época em que banda larga era para poucos e, até hoje, continua com uma comunidade vasta e ativa.

Tibia conta com um conteúdo insanamente extenso. Mesmo com mais de 20 anos, jogadores ao redor do mundo continuam achando lugares e segredos escondidos ao longo do mapa. Além disso, o jogo não possui objetivo a ser cumprido, e todo o progresso fica por conta dos jogadores.

Você deve jogar esse jogo se:

  • Quer ter a experiência clássica de um dos primeiros MMORPG inventados.

2. Runescape 3

Runescape 3

Runescape está entre os RPGs mais antigos criados (o primeiro foi lançado em 1998). “Runescape 3” é, na verdade, um novo pacote de conteúdo inserido no jogo original. Hoje em dia, o jogo contém gráficos 3D simples e jogabilidade que lembra um pouco World of Warcraft.

Runescape 3 é outro título que possui ótimo conteúdo para um jogo de browser. Você nunca ficará sem ter o que fazer dentro dele. Sempre haverá missões e conquistas para concluir ou habilidades para desenvolver. A título de exemplo, você sempre pode upar habilidades primárias como pesca, mineração, corte de lenha e etc, além de habilidades de combate como ataque, defesa, magia, entre outros.

Você deve jogar esse jogo se:

  • Procura um MMORPG para browsers que forneça uma experiência mais parecida com a de jogos mais atuais do gênero.

3. Ragnarok Journey

Ragnarok Journey

Ragnarok Journey é a versão para browsers do grande fenômeno Ragnarok. O jogo mantém todos os elementos clássicos já conhecidos, mas não possui tanto conteúdo quanto o jogo original (até o momento o jogo só vai até as classes 2-1, por exemplo).

Em termos de interface, Ragnarok Journey é bem parecido com Ragnarok M: Eternal Love. A jogabilidade segue o estilo point and click e conta com uma opção de combate automático para facilitar o progresso.

Você deve jogar esse jogo se:

  • É fã de Ragnarok.

4. League of Angels III

League of Angels

League of Angels III, assim como Runescape 3, é apenas a versão atual do título original, não um jogo novo. O game é um RPG clássico que contra com 3 modos diferentes, cada um voltado ao desenvolvimento de um aspecto do personagem: nível, equipamento e PvP.

Os combates em League of Angels seguem o sistema de turno e possuem efeitos visuais muito chamativos. O jogo também conta com um minigame interno estilo Candy Crush que, por si só, já é bastante viciante.

Você deve jogar esse jogo se:

  • É fã de RPG, efeitos visuais chamativos e histórias envolvendo anjos.

5. Margonem

Margonem

Margonem é um RPG medieval em 2D com gráficos no estilo cartoon. O jogo conta com todos os elementos clássicos do gênero, e seu principal diferencial é o conteúdo extenso para um jogo de browser. Ao todo, o game conta com mais de 2 mil mapas para visitar, mais de 20 mil itens, 500 histórias, etc.

Outra vantagem do Margonem é que ele ainda recebe atualizações constantes de conteúdo, correções de bugs e eventuais balanceamentos.

Você deve jogar esse jogo se:

  • Procura um MMORPG para browsers leve, mas com muito conteúdo.

6. SAO’s Legend

SAO Legend

SAO’s Legend é um MMORPG de ação baseado no anime Sword Art Online. As classes e personagens do jogo são retirados diretamente do anime, assim como os arcos da história são inspirados nas sagas da animação.

A jogabilidade é simples e os gráficos são decentes. Visualmente o jogo lembra muito Ragnarok mas sem o estilo cartunesco, e conta com efeitos visuais mais exagerados durante os combates. No mais, o jogo também possui todos os elementos básicos do gênero como masmorras, guildas, montarias, eventos diários, etc.

Você deve jogar esse jogo se:

  • É fã de RPG e de Sword Art Online.

7. Stein

Stein

Stein é jogo de RPG visualmente muito parecido com Tibia, mas com a premissa um pouco inusitada. Nele, o personagem principal perdeu a caneca de cerveja da família durante uma noite de bebedeira, e agora deve iniciar uma jornada atrás de pistas sobre o paradeiro do item.

Stein possui uma identidade visual muito charmosa, centenas de quests, diversas profissões e equipamentos diferentes, opções de customização de personagem e um sistema de rank entre jogadores.

Você deve jogar esse jogo se:

  • Gosta de gráficos pixelados estilo Tibia ou Zelda do Nintendinho.
  • Procura um MMORPG com uma história nova e diferente de todas as outras.

8. Wartune

Wartune

Wartune é um MMORPG misturado com elementos de estratégia. Aqui, o jogador participa de combates através do clássico sistema de turnos, mas também precisa juntar recursos para construir e administrar seu império, estilo Age of Empires, Clash of Clans, etc.

O sistema de construção segue a mesma mecânica de outros jogos utilizando tempo real para construir ou upar as estruturas. Ao todo existem 7 estruturas diferentes para você compor sua cidade, cada uma com características e objetivos que contribuem na evolução do seu personagem. Até o momento existem apenas 3 classes para escolha: Cavaleiro, Mago e Arqueiro.

Você deve jogar esse jogo se:

  • É fã de jogos de estratégia de construção e administração de estruturas e não se importa em mesclar os gêneros.

Veja também os 12 melhores RPG para PC fraco!

Raphael Aviz
Raphael Aviz
Ex-jogador profissional de Counter Strike e Super Smash Bros. Melee, Brawl e 4. No momento aposentado das competições mas FANÁTICO por todos os eSports, sejam de luta, estratégia ou FPS.